fbpx

Desenvolvido tomate roxo rico em antocianinas

Alguns estudos sugerem que o consumo de antocianinas na dieta pode diminuir o risco de doenças cardiovasculares e câncer

Pesquisadores chineses desenvolveram um tomate roxo geneticamente modificado, rico em antocianinas, de acordo com a Academia Chinesa de Ciências. As antocianinas são um grupo de pigmentos antioxidantes que também fornecem as cores púrpura, vermelha ou azul de muitas frutas e legumes.



Alguns estudos sugerem que o consumo de antocianinas na dieta pode diminuir o risco de doenças cardiovasculares e câncer. Embora a maioria das cultivares de tomate não produza antocianinas nos frutos, a variedade de tomate roxo Indigo Rose exibe acúmulo de antocianina dependente de luz na pele. 

Pesquisadores do Instituto de Genética e Biologia do Desenvolvimento do CAS estudaram os mecanismos de biossíntese de antocianinas em Indigo Rose, identificaram os genes relacionados ao processo e geraram tomates de polpa roxa que acumulam antocianinas na casca e na carne.

A pesquisa forneceu genes-alvo importantes para a produção de tomates ricos em antocianina. Ao revelar o mecanismo de síntese de antocianinas, também forneceu novas ideias e abordagens técnicas para melhorar o conteúdo de antocianinas nas culturas, de acordo com Li Chuanyou, pesquisador principal.

Em 2011, um pesquisador da Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (Esalq) da Universidade de São Paulo (USP) havia desenvolvido uma variedade de tomate roxo, mas menor do que os convencionais. A luz é essencial para a fotossíntese e o crescimento, mas também influencia o acúmulo de antocianina (substância que confere a cor arroxeada) no tomateiro, o que normalmente ocorre apenas no caule do vegetal”, informou o pesquisador Lázaro Eustáquio Pereira Peres. 


SEGURO AGRÍCOLA
Com a necessidade do produtor rural ter um seguro de lavoura sem burocracia, de fácil contratação e que protegesse seus altos investimentos contra intempéries climáticas, a SEGURAGRO inovou os serviços de atendimento e assessoria na contratação de seguro agrícola de lavouras para culturas de soja, milho, trigo, feijão, café, cana-de-açúcar e outras culturas.

SAIBA MAIS SOBRE SEGUROS AGRÍCOLAS